Header Ads

Header ADS

BAHIA / Dom Itamar Vian celebra missa de inauguração do Mosteiro das Clarissas e é homenageado pelos 50 anos de sacerdócio


Foi inaugurado na manhã deste domingo (02/12/2018), no bairro Alto do Papagaio em Feira de Santana o Mosteiro das Irmãs Clarissas.

O Mosteiro Imaculada Conceição da Mãe de Deus é primeiro mosteiro da ordem das Clarissas na Bahia e é composto por cerca de dez irmãs que vivem em clausura, seguem os ensinamentos de Santa Clara e São Francisco de Assis e dividem seu tempo entre trabalho e oração.


O arcebispo Dom Zanoni Castro, comentou que o mosteiro é para a igreja católica um tesouro muito valioso. Um lugar de paz, reflexão e contemplação. Ele frisou que as irmãs clarissas são mulheres que se dedicam ao mistério do Cristo a oração a contemplação e vivem em sintonia com a igreja e o processo de evangelização da arquidiocese.


“São mulheres livres, felizes, inteiramente dedicadas e que têm a compreensão da vida em outra perspectiva. Optaram por viver na clausura, têm seus quartos (celas), plantam, cultivam, trabalham, rezam e o papel é a sintonia, a comunhão, inteceder pela nossa igreja e contribuir para o acompanhamento espiritual do povo”, disse.

As irmãs clarissas também realizam atividades de artesanato e fabricam velas que são vendidas para as igrejas. O valor arrecadado custeia algumas despesas e elas contam também com a ajuda de doações.

A Irmã Maria Ielma resumiu a vida de clarissa em simplicidade, alegria, desprendimento e muito amor. Ela contou que ser uma irmã clarissa é um chamado e uma vocação.



“Passamos o dia entre trabalho, oração e na dimensão de comunhão com Deus e de todos que estão pelo mundo. Sempre foi o meu desejo essa vida de oração mais intensa. Eu encontrei na clausura esse sentimento de intimidade com o senhor. Minha família é de Goiás e há irmãs mineiras, paraibanas, pernambucanas. Já estamos aqui há dez anos e temos saudades dos familiares, mas o que prevalece é aquilo que a gente coloca o amor maior. Para atender o chamado de Deus”, acrescentou.

O arcebispo emérito Dom Itamar Vian, que foi homenageado pelos 50 anos de sacerdócio durante a inauguração do Mosteiro das Clarissas, agradeceu a Deus e a toda comunidade de Feira de Santana pela acolhida.


Ele afirmou que continua com o mesmo entusiasmo, como se fosse seu primeiro dia de ordenação.
“Nós temos a missão de anunciar a palavra de Deus e celebrar os sacramentos. Quando o povo nos acolhe com alegria, esperança e fé nós ficamos mais entusiasmados em continuar a missão. Hoje eu vou começar a minha vida de sacerdote como se fosse o primeiro dia”, comemorou.





Fonte: Acorda cidade

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.